quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Meu Spectrum +2

Dei-me um presente neste Natal.


Exatamente isto, comprei um ZX Spectrum +2 com 128 K de RAM e gravador cassete (datacorder) embutido. O aspecto visual está muito bom, com alguns pequenos desgastes, mas que não compromete seriamente.


Veio até com uma etiquete com o número de série da máquina. Achei-o no Mercado Livre, não vou dizer que era barato mas o preço estava dentro do que eu estava disposto a pagar. Eu não estava procurando ansiosamente por tal máquina, mas tenho o hábito sempre de ficar vasculhando a Internet em busca de ofertas de computadores clássicos. No fim, achei este e acabei adquirindo. Chegou semana passada, mas só hoje consegui testar.


O que me impediu de testá-lo imediatamente, tirando as demandas da vida profissional, foi que a fonte original era de 220 V. Tive que arrumar uma outra fonte e preparar um cabo com conector P4 adequado, tomando cuidado com a polaridade que é o inverso da maioria que tive a oportunidade de ver (pólo negativo no centro). Aparentemente algumas mods já foram implementadas, o vendedor tinha avisado previamente. Liguei a saída de vídeo que já vinha com mod  de vídeo composto implementada e funcionou bem numa TV LCD da CCE.


Na parte lateral esquerda há os conectores de joystick (não os testei ainda) e o mais que bem-vindo botão de reset.


No outro lado pode-se ver um interruptor liga-desliga que não parece ser original, além de uma entrada J2 que, segundo o vendedor, seria a entrada para sinal de fita cassete. Não sei se foi posta esta mod porque o gravador interno não funciona, não cheguei a testá-lo. Enfim, não fiz um teste exaustivo, mas só o fato de ligar e permitir digitar alguns programas BASIC curtos já me deixou satisfeito.

Outra hora terei que testar mais coisas, mas fica para depois.


2 comentários:

Seu comentário é bem vindo, mas peço que use este espaço adequadamente.